Sub 16

O RCS foi a Loulé roubar a vitória para o nosso Ribatejo...

Os "jovens cavaleiros" deslocaram-se hoje a Loulé para defrontarem a equipa da casa, cumprindo a 6ª Jornada do campeonato de Sub16, Grupo B - 2ª Fase, Apurados. Com apenas 14(13) atletas venceram por 20 - 23.

Após o desaire do fim-de-semana passado, em casa, os "jovens cavaleiros" entraram em campo dispostos a não deixar a fugir a vitória, mas conscientes da dificuldade que enfrentavam, uma vez que iniciaram este jog...o com 14 atletas (sem suplentes), numero esse reduzido ainda na segunda parte deste jogo, acabando os últimos 10m da partida com 13 jogadores.

Com atitude, sacrifício e uma constante entreajuda inauguraram o marcador através de uma penalidade, acabando a primeira parte a ganhar por 0-3.

Com o inicio da segunda parte, os "jovens cavaleiros", com o cansaço aliado a algumas placagens falhadas viram o seu adversário adiantar-se no marcador fixando o resultando em 10 - 03.
Porém o RC Santarém não baixou os braços e olhando o adversário nos olhos, desenvolvendo o seu jogo e aproveitando o espaço concedido pelo seu adversário deu a volta ao marcador e a meio da segunda parte ganhava por 10 - 13.
Porém como os erros se pagam caro, em falhas sucessivas de placagem viram o "placar" aumentar a favor da equipa da casa, chegando esta aos 20 - 13.
Além do resultado desfavorável o RCS viram-se reduzidos a 13 atletas a 10m do final do encontro, com a lesão do seu formação.
Quando a equipa da casa já pensava na vitória, surge novamente o querer e vontade destes "jovens cavaleiros", que através da "revolta e insatisfação dos seus jogadores face ao resultado" mesmo reduzidos a 13 atletas vão para cima do adversário sem qualquer medo e com uma atitude de louvar vendo o seu trabalho dar frutos.
A perder por 2 pontos, e jogando a "bola de jogo", os "jovens cavaleiros" vêem um dos seus pilares a agarrar a bola na sua área de 22m e cavalgar mais de 50m deixando vários jogadores da equipa adversária pelo chão, numa atitude de raiva e insatisfação, procurando a vitória que lhes fugia... Placado nos últimos 5m, antes da área de validação e apoiado por toda a equipa desde o inicio da sua cavalgada, que nunca deixaram de acreditar, após três fases viram o seu capitão efectuar o ensaio da vitória que todos tanto ansiavam e mereciam...

Os jogadores do Santarém, apesar do cansaço "usaram a cabeça", pensando o jogo, aliando a última réstia de força e raça à inteligência e conseguiram acabar este jogo, com um sofrido 20 - 23 a seu favor.

Um grande abraço a todos estes jogadores e os meus Parabéns, que apesar da sua realidade não deixaram de acreditar, apoiar, pensar chegando a mais uma vitória.
Claramente foi uma vitória sofrida, uma viagem longa, mas com a certeza que nenhum dos jogadores presentes hoje em Loulé jamais a irá esquecer...

Parabéns miúdos!!!

Os sub16 do RCS receberam e venceram, esta manhã no CNEMA, a Esc. Galiza por 24-17 na 1ª Jornada do campeonato dos Sub16, Grupo B - 2ª Fase, Apurados.

Os "jovens cavaleiros" entraram bem no jogo, com placagens sucessivas e efectivas demonstrando a evolução e o prazer de jogar a que nos têm habituado. Porém e como os erros se pagam caro, numa falha viram o "placar" ser inaugurado pela equipa visitante.

A equipa não baixou os braços, nem perdeu a cabeça e "jogando rugby", deram a volta ao marcador e acabaram a primeira parte a ganhar 14-10.

Na segunda parte entraram com o mesmo querer, marcando um ensaio de mérito individual, onde o esforço, pressão e sacrifício exigido a qualquer jogador de rugby, ficou à vista de todos os adeptos que assistiam a este jogo.

Apesar do sinal mais, demonstrado pela equipa do RCS, no decorrer da segunda parte o cansaço foi-se apoderando da nossa equipa e mais uma vez, o erro deu lugar ao ensaio do adversário.

Os jogadores do Santarém, apesar do cansaço e após o ensaio sofrido, voltaram a "usar a cabeça", pensando o jogo, aliando a última réstia de força à inteligência e voltaram a marcar.

O fim do jogo foi mais sofrido, devido ao cansaço da equipa e falta de discernimento na ponta final do encontro, mas os nossos "jovens cavaleiros" acabaram por ganhar por 24-17 à equipa visitante.

Um grande abraço aos lesionados, que apesar da sua realidade, não deixaram de apoiar a equipa, dando o seu contributo a esta vitória. Rápidas melhoras.

Temos equipa. Parabéns a todos.

O RCS recebeu e venceu, esta tarde, no CNEMA, o CD Tondela por 13-10 na 3ª Jornada do campeonato de Sub16, Grupo B - 2ª Fase, Apurados.

Após o desaire do fim-de-semana passado, em Elvas, os "jovens cavaleiros" entraram em campo dispostos a não deixar a vitória fugir para terras do norte...

Com atitude, sacrifício e espírito claro de uma equipa em constante evolução, inauguraram o marcador frente a uma equipa aguerrida, coesa e com objectivos claros, numa jogada de equipa, b...em delineada, claramente fruto do trabalho desenvolvido pelos atletas ao longo desta época, jogando de cabeça erguida, olhando o adversário nos olhos, desenvolvendo o seu jogo tendo em conta todos os intervenientes presentes...

Porém e como os erros se pagam caro, em falhas sucessivas de placagem viram o "placar" ser igualado e aumentado pela equipa visitante...

Após alguns "puxões de orelhas", acordaram e voltou "A Equipa"..., não baixaram os braços, nem perderam a cabeça e com atitude e sacrifício acabaram a primeira parte a empatados a 10, após marcarem um ensaio de insistência e entre ajuda dos seus avançados...

Na segunda parte entraram com o mesmo querer, mas face ao poder físico da equipa adversária e entre ajuda defensiva da mesma, os nossos cavaleiros, não conseguiam marcar.

Face a este impasse, e após decisão e conversão de penalidade do capitão "da nossa equipa" o empate foi desfeito.

Sinal mais apresentado pela equipa do RCS no decorrer da segunda parte e apesar do cansaço que se foi apoderando de todos os nossos cavaleiros, o erro não apareceu, o que demonstra claramente a evolução destes jovens jogadores.
Os jogadores do Santarém, apesar do cansaço "usaram a cabeça", pensando o jogo, aliando a última réstia de força à inteligência e conseguiram chegar ao final do jogo, com um sofrido 13-10 a favor da equipa da casa.

Um grande abraço aos suplentes, que apesar da sua realidade, não deixaram de apoiar a equipa, fora e dentro de campo aquando chamados contribuindo e muito nesta vitória. Um suplente no rugby não é melhor nem pior..., é sim uma mais valia, tendo exactamente o mesmo valor para equipa que um atleta que joga de inicio.

Parabéns equipa!
Direitos de autor © 2017 Rugby Clube de Santarém. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um software livre produzido sob a licença GNU GPL.